Acredita que precisa usar aparelho ortodôntico? Tire suas dúvidas aqui!

Quem olha para seus dentes e percebe que tem alguma coisa errada com eles já imagina logo que precisa colocar um aparelho ortodôntico, mas antes de qualquer decisão é preciso visitar o especialista, porque só ele poderá dizer se precisa mesmo e qual tipo de tratamento deverá fazer.

Será que você precisa?

Os problemas ortodônticos

podem ter origem hereditária, até porque ossos maxilares e tamanho de dentes sofrem influências da família. Mas, esses problemas também podem ser causados pela sucção da chupeta, dos dedos, por problemas respiratórios, cáries dentais, perda de dentes, traumatismo, entre outros.

Há algum tempo a gente só via o aparelho sendo associado às crianças (o ideal é que a criança faça a primeira avaliação lá pelos sete anos). De uns tempos para cá ficou comum vermos adultos utilizando o aparelho, visto que o processo básico que envolve a movimentação dos dentes é o mesmo em qualquer idade e com isto os adultos também podem se beneficiar com o tratamento ortodôntico, não só pela saúde bucal como pela estética.

Uma das preocupações para quem vai colocar aparelho é sobre a retirada de dentes porque em algumas situações, para se ter uma harmonia facial, é preciso extrair um ou mais dentes, especialmente quando existe falta de espaço para um correto alinhamento e nivelamento dos dentes ou quando estão inclinados para frente.

Quando iniciar o tratamento

O especialista irá fazer a primeira avaliação e pegar informações importantes sobre hábitos orais, trauma sobre dente, doenças, tratamentos hormonais e uso de medicamentos. Também fará o pedido da documentação ortodôntica (modelos de gesso das arcadas e radiografias e fotografias dos dentes e da face). Depois, o ortodontista irá orientar sobre os tratamentos possíveis para o seu caso.

O aparelho, além de deixar o sorriso bonito, pode evitar fratura ou perda de dentes, melhor desenvolvimento da fala, detectar problemas respiratórios, eliminar hábitos de interposição de língua e hábitos de postura de lábios, corrigir mordidas cruzadas.

Um tratamento ortodôntico dura um período de 18 a 36 meses, podendo terminar antes ou mesmo depois desse período, dependendo do tipo de tratamento e organismo e da ajuda do paciente. Em alguns casos, o paciente precisa de um tratamento orto-cirúgico, utilizado quando os maxilares não estão corretamente relacionados e o aparelho não irá corrigir isso.

Quem tiver que usar aparelho precisa saber que terá restrição na alimentação e que deverá fazer uma higiene bucal de excelência.

Em tempo: você tem várias opções de aparelho. Quem quiser fugir do metálico pode usar opções mais discretas e até mesmo de porcelana, embora esse último seja mais caro. Existe ainda a possibilidade de deixar os braquetes colados na parte de trás dos dentes, deixando a língua em contato direto com o aparelho. Apesar da técnica ser mais elaborada, não é indicada para quem foge da dor.

Se você acredita que possa melhorar seu sorriso e sua qualidade de vida, marque uma consulta personalizada com seu ortodontista e ele irá fazer seu diagnóstico.

 

 

FALE COM A TOP ODONTO

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Digite este código de segurança no campo abaixo: captcha

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *