Quais os tipos de restaurações dentais que existem?

Antes de falarmos sobre os tipos de restaurações (obturações) que existem, vamos entender o que são e quando o uso é recomendado

obturações-720x340

Como o próprio nome diz, restauração é para recuperar danos nos dentes, fazendo com que ele volte a ter sua função e forma originais. Esses danos podem ser originados por cáries, quebras ou mesmo desgastes mais agressivos.

A função da restauração, além da recuperação do formato e função próximos aos originais, é evitar que a deterioração causada pelo dano evolua. A evolução desses danos, principalmente da cárie, pode chegar até a perda do dente inteiro.

Embora as restaurações mais comuns e conhecidas sejam a “prateada” e a “da cor do dente”, existem vários materiais diferentes que podem ser utilizados e a escolha pode ser feita por vários fatores, como os que seguem:

  • custo dos materiais
  • resistência
  • durabilidade ao longo do tempo
  • forma de colocação com menor impacto no tecido dental saudável
  • aparência
  • eficiência da vedação do dente
  • extensão do reparo a ser realizado

Para realizar a escolha do melhor material para cada caso, o ideal é conversar com dentista, quem irá fazer a avaliação e mostrar as melhores opções. Esses são os materiais:

  • Amálgama (prateada): composta por uma liga de diferentes metais, como prata, cobre, mercúrio e estanho. É o material mais utilizado por permitir restaurações mais duráveis e com bom custo.
  • Ouro: um dos materiais mais caros, robustos e não corrosivos. Uma restauração de ouro pode durar cerca de 15 anos.
  • Compósito: feito de vidro e resina da cor do dente. O custo é superior ao da amálgama, mas inferior ao do ouro e sua duração entre os 3 materiais é a menos resistente (dura cerca de 5 anos).
  • Ionômeros: podem ser de vidro ou em acrílico. Eles aderem ao tecido dentário e liberam flúor lentamente ao longo do tempo. Duram cerca de 5 anos.
  • Cerâmica: geralmente feitas de porcelana e popular entre as pessoas que querem ter um aspecto mais natural para o dente restaurado. São duráveis e devem ser colocadas com bastante cuidado para não prejudicar os dentes, provocando desgastes.

Se você deseja ter todas as restaurações da mesma cor, como a próxima ao dente, por exemplo, converse com o dentista, pois é possível de acordo com o tipo de restauração que você tenha, a extensão delas e o perfil de sua arcada dentária. O profissional irá analisar essas e outras questões para fazer a recomendação ideal para seu caso.

Agende hoje mesmo uma consulta e descubra o melhor tratamento para ter uma boca sempre saudável e bela!

FALE COM A TOP ODONTO

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Digite este código de segurança no campo abaixo: captcha

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *